Política de Privacidade Como Anunciar
Filtrar por Semana de Gestação
Saúde da Mamãe
O que toda mãe precisa saber sobre aleitamento materno

1 de julho de 2019

O leite materno é o alimento ideal para o bebê e deve ser oferecido com exclusividade até os 6 meses

O que toda mãe precisa saber sobre aleitamento materno

O leite materno é o alimento ideal para o bebê, pois contém todos os nutrientes de que seu filho precisa para ter um desenvolvimento saudável. É completo e perfeito, fornecendo a ele as quantidades ideais de nutrientes. Por isso, a recomendação da Organização Mundial da Saúde é que até os 6 meses de idade o aleitamento materno seja exclusivo, não sendo necessário nenhum tipo de complementação com água ou outro alimento.

Amamentar é um ato de amor que traz consigo diversos benefícios. Um estudo realizado pela “The Lancet”, uma revista científica médica inglesa muito bem-conceituada em todo o mundo, afirma que o aleitamento materno evita 13% das mortes que podem ser prevenidas de crianças com menos de 5 anos. “Além disso, o leite materno possui todas as proteínas, vitaminas, carboidratos e anticorpos responsáveis por diminuir os riscos de doenças, como infecções respiratórias, otites, alergias, pneumonia e até mesmo previne a diabetes juvenil, obesidade e hipertensão”, acrescenta a pediatra Dra. Luciana Gonçalves Vieira.

Como se não bastassem todos os benefícios já citados para o bebê, a amamentação também oferece muitas vantagens para a mãe: diminui o sangramento pós-parto, estimula a liberação de ocitocina (o que fortalece o laço entre ela e seu filho), auxilia na perda do peso extra adquirido na gestação e diminui consideravelmente os riscos de câncer de mama.

Cuide do seu seio
Não é necessário preparar os seios durante a gestação para a amamentação. Contudo, depois do nascimento do bebê, alguns cuidados são essenciais para prevenir possíveis rachaduras. “Limpar o seio somente com água, tomar sol na região e passar o próprio leite no seio antes e depois das mamadas são algumas dicas que podem ser muito úteis”, aconselha a pediatra.

Cuide da sua alimentação
Durante a amamentação, orienta a Dra. Luciana, sua alimentação deve ser a mais saudável possível, sempre optando por produtos naturais, como frutas, legumes, verduras, carnes e ovos. Ademais, beba muita água. Ela te deixará hidratada e ajudará na produção do leite.

Cuide da sua mente
Fatores emocionais, como ansiedade e estresse, podem ter uma grande interferência na amamentação. Por isso, não se sinta mal caso não ocorra como o imaginado. Não tenha receio de buscar orientação médica e apoio de sua família nos momentos complicados dessa jornada.

“Amamentar não é fácil, mas persista. É a melhor decisão que você poderá tomar tanto para si mesma quanto para seu filho!”, pontua.

VAMOS COMPARTILHAR?

COMENTÁRIOS