Política de Privacidade Como Anunciar
Filtrar por Semana de Gestação
Saúde do Bebê
Calcinhas e cuecas de desfralde: como usar?

2 de julho de 2019

Peça salva as mamães naqueles momentos em que o xixi escapa

Calcinhas e cuecas de desfralde: como usar?

Em algumas famílias o desfralde é um processo natural e tranquilo, já em outras, deixa os pais e cuidadores estressados, descabelados e esgotados. Para não ficar nervoso, lembre-se que quem desfralda é a criança e não os pais. Ou seja, a partir do momento que a criança está pronta, com o apoio dos pais, ela sai das fraldas, sem qualquer tipo de pressão, com compreensão e amor. Enfim, quando a criança atinge a maturidade física e emocional ela está pronta para protagonizar o desfralde, assim como acontece no ato de falar e andar.

De toda forma, nesse período de transição algumas perguntas começam a circular na cabeça dos pais. “E agora, nunca mais vou poder sair de casa?” “Será que levo fralda?” “Levo o penico?”. Um pouco dramático, não é mesmo?

Se você tirou a fralda em casa, vai colocá-la de novo na hora de sair para ir ao mercado ou visitar algum amigo? A cena do tapete, do carro e das compras encharcados não é muito animadora. No entanto, vocês não podem virar prisioneiros de desfralde!

É para esses momentos que existem as calcinhas e cuecas de desfralde. Para permitir que você continue com a rotina de casa e para dar tempo de chegar a um banheiro em shopping ou festa sem molhar a roupa toda. A calcinha / cueca de desfralde da Colo de Mãe tem um material impermeável e duas camadas de tecido absorvente. O xixi do escape é absorvido pelo material absorvente e fica retido no material impermeável. Dá tempo de realizar a troca dessa peça sem ter que mudar toda a roupa da criança ou uniforme, evitando as poças de xixi no tapete e no carro. É lavável e reutilizável, mas não substitui a fralda descartável.

Incentivo
Por fim, elogie sempre que tudo der certo e, quando der errado, não brigue. Às vezes, você terá a certeza de que a criança tinha como evitar e não evitou. Nesses casos, pode dizer apenas, agachado e na altura da criança: “Eu não gostei que você não quis ir ao banheiro na hora que eu te chamei, você fez xixi no chão, molhou toda a roupa. Eu vou te trocar, nós vamos limpar essa sujeira e da próxima vez você vai fazer no banheiro, ok?”.

Não grite, não se altere, não brigue. A criança está aprendendo as novas regras do jogo. Esse é um momento bastante sensível, mas precisa ser encarado com naturalidade. Certifique-se de que todos os que estão envolvidos no processo de desfralde ajam da mesma maneira.

VAMOS COMPARTILHAR?

COMENTÁRIOS