Política de Privacidade Como Anunciar
Filtrar por Semana de Gestação
Saúde do Bebê
BLW: novo método de introdução alimentar para o bebê

6 de novembro de 2017

A youtuber Flávia Teodoro conversou com uma nutricionista sobre esse assunto. Confira:

BLW: novo método de introdução alimentar para o bebê

Já pensou em oferecer comidinha picada no lugar da papinha? O Baby Led Weaning (BLW): um método diferente de introdução dos sólidos aos bebês que vem ganhando cada vez mais adeptos no Brasil. Saiba o que dizem os experts sobre a técnica BLW.

O método BLW foi criado pela britânica Gill Rapley, consultora em saúde e autora do livro Baby-led Weaning: Helping Your Baby To Love Good Food (“Baby-led Weaning: ajudando seu bebê a amar boa comida”, em português), o termo refere-se a uma alimentação sem o uso de colheres, papinhas ou mingaus, guiada pelo bebê.

A youtuber e jornalista Flávia Teodoro entrevistou a nutricionista Dra. Christiane Scarel para falar sobre esse assunto no Canal Manual da Mamãe.

No vídeo, a nutricionista explica como é feita essa introdução alimentar utilizando o método BLW, suas vantagens em relação método tradicional e os cuidados que os pais devem ter.

Segundo a Dra. Christiane Scarel, o BLW traz vários benefícios para a criança, trabalha a mastigação, deglutição e o movimento dos músculos e ossos da face. Além disso, com a técnica a criança desenvolve sua autonomia.

Porém, cada mamãe e papai tem a total liberdade de escolher se deseja introduzir a alimentação de forma tradicional ou pelo BLW. A alimentação saudável pode ser feita das duas formas.

 

E o risco de engasgar com o BLW?

 

Segundo a nutricionista o risco de engasgar existe tanto no BLW quanto na introdução alimentar tradicional.

Para que tudo dê certo na alimentação da criança, os pais precisam ter paciência, calma e persistência!

 

Dicas para implementar o BLW na sua casa:

 

– Como o bebê ainda não consegue fazer o movimento de pinça (encostando o polegar ao dedo indicador), ele agarra os alimentos fechando a mão. Por isso, um bom indicador para saber de que tamanho cortar o alimento é pensar que ele deve caber na palma da mão do bebê.

– Os especialistas garantem que se o bebê estiver sentado com as costas encostadas no cadeirão, o risco de engasgo é muito pequeno. Se a criança estiver bem acomodada, o natural é que a própria língua faça um movimento de extrusão e jogue para frente o que estiver emperrado.

– Apesar de a ideia central do BLW ser que o bebê se alimente sozinho, os pais devem estar presentes a todo momento. O pai ou a mãe devem estar sentados de frente para a criança, observando seus movimentos com atenção.

 

Dê o play e tire suas dúvidas sobre o BLW, introdução alimentar sem papinha:

 

VAMOS COMPARTILHAR?

COMENTÁRIOS