Política de Privacidade Como Anunciar
Filtrar por Semana de Gestação
Crescimento Infantil
Aplicativo SimSimi é realmente perigoso para as crianças?

19 de Abril de 2018

App de bate-papo, popular entre crianças e adolescentes, tem causado polêmica entre os pais

Aplicativo SimSimi é realmente perigoso para as crianças?

Seu filho tem o aplicativo SimSimi baixado no celular ou tablet? O app, que usa a inteligência artificial para conversar com os usuários, é muito popular entre crianças e adolescentes por ter um personagem amarelo carismático conduzindo os diálogos.

O problema é que a forma como o robô foi “educado” faz com que as respostas partam para o baixo nível, com piadas de mau gosto e até mesmo assédio de menores. As respostas de cunho sexual, pornográficas e até criminosas chocaram pais que tiveram acesso a aparelhos dos filhos.

Sim-simi-dialogo Aplicativo SimSimi é realmente perigoso para as crianças?

Nas avaliações publicadas na Play Store, muitos usuários relataram o comportamento agressivo do aplicativo nos últimos tempos: “Gente, o SimSimi falou que o diabo fez esse aplicativo e que ele vai pegar a alma das pessoas que o instalarem. Ele falou que ia beber meu sangue e matar meus pais com uma martelada. Eu tenho 10 anos de idade, estou muito triste com isso”, escreveu uma criança. Ainda, viralizou no Facebook, um relato de uma mãe que  afirma que a aplicação ameaçava sua família de morte e, por isso, a criança teria ficado apavorada.

SimSimi-face Aplicativo SimSimi é realmente perigoso para as crianças?

Como proteger as crianças?
O SimSimi não permite restringir seu uso por idade, porém o programa foi desenvolvido para usuários com 16 anos ou mais e não para crianças. Além disso, a ferramenta é especificada nas lojas de aplicativos como de “violência, conteúdo sexual e drogas”. Portanto, se o seu filho não tem a idade apropriada, o recomendado é excluir o aplicativo do aparelho. Para ter maior controle das aplicações usadas pelos pequenos, o Google Play um oferece um sistema de controle dos pais, bem como a App Store da Apple.

Todavia, o app dispões de algumas ferramentas para proteger as crianças de conteúdos indesejados. E são:

Remover termos ofensivos e palavrões: para isso, acesse a opção “Configuração”. Em seguida, em “Usar palavras ruins”, arraste o “termômetro” para baixo até “Quase nunca”. No entanto, isso não significa que palavrões e termos obscenos deixarão de ser exibidos, mas aparecerão em menor frequência.

Proteger nomes: na janela do chat, clique no ícone de três pontinhos no lado superior direito da tela. No menu que surgir, vá em “Nome Proteger (Beta)”. Escreva os nomes que o app não deve usar nas conversas nos campos “Seu nome” e clique em “OK”. Caso forem nomes comuns ou de artistas, a ferramenta não removerá e vai sugerir o envio de um e-mail para a fabricante com a solicitação.

Reportar uma frase: caso receba uma resposta desagradável, basta pressionar o balão referente à frase por alguns segundos, e acessar o recurso “Phrase Info”. Nessa área, é possível reportar o item ao clicar em “Não diga Isso!”. Depois informe sobre o problema e, em seguida, clique em “Aconselhe SimSimi a não dizer isso”. Caso haja mais denúncias, o termo deverá ser removido do sistema.

VAMOS COMPARTILHAR?

COMENTÁRIOS