Política de Privacidade Como Anunciar
Filtrar por Semana de Gestação
Saúde do Bebê
5 testes que o recém-nascido precisa fazer

6 de Março de 2017

5 testes que o recém-nascido precisa fazer

Com a chegada do bebê ao mundo, vários exames precisam ser feitos para saber se está tudo bem com a saúde dele. São eles o teste do Pezinho, da Orelhinha, da Linguinha, do Olhinho e do Coraçãozinho. Como nem todas as mamães sabem quando e como devem ser realizados, o Manual da Mamãe traz informações importantes sobre cada um deles. Confira:

Teste do Pezinho

O exame deve ser realizado a partir de 48 horas até o quinto dia de vida. É realizado em papel filtro, utilizando-se algumas gotinhas de sangue retiradas do calcanhar do bebê. O teste pode detectar doenças genéticas, metabólicas e também infecciosas que podem prejudicar o desenvolvimento da criança, como, por exemplo, a fenilcetonúria e o hipotireoidismo. É gratuito e obrigatório.

Teste da Orelhinha

Esse teste deve ser feito logo após o nascimento até o terceiro mês de vida da criança. A avaliação é realizada durante o sono natural do bebê. O fonoaudiólogo coloca pequenos fones no ouvido da criança, que emitem sons. Não causa desconforto nenhum, é rápido e indolor. Ele pode detectar logo cedo qualquer problema de audição que ela possa apresentar. O exame é obrigatório e gratuito.

Teste da Linguinha

É importante para identificar problemas que podem resultar em dificuldades na fala, sucção, deglutição e mastigação. Deve ser realizado quando o recém-nascido estiver mamando. O fonoaudiólogo avaliará o frênulo da língua do bebê e caso seja identificada alguma alteração significativa, é indicada a frenectomia, procedimento cirúrgico simples, no qual é feito um pequeno corte na membrana.

Teste do Olhinho

Rápido e indolor, esse teste é indicado para identificar má-formações oculares e prevenir sequelas de doenças da visão como Catarata Congênita, Retinopatia da Prematuridade e Glaucoma Congênito. Consiste na observação da existência de reflexo vermelho quando uma luz é projetada sobre a pupila da criança e no mapeamento da retina do bebê. Deve ser feito nos primeiros três meses de vida.

Teste do Coraçãozinho

Esse teste pode até salvar a vida de crianças que nascem com defeitos cardíacos. Deve ser realizado entre 24 e 48 horas de vida do bebê, antes da alta hospitalar. A enfermeira é quem faz o procedimento com o uso do oxímetro nos membros inferiores e superiores. Não é obrigatório, mas alguns hospitais realizam gratuitamente.

VAMOS COMPARTILHAR?

COMENTÁRIOS